Eugenio de Lima e Pitella Advogados (Ir para a página inicial)
Ir para a página inicial Home Quem Somos Clientes Livros Eventos White Papers Imprensa Equipe Fale Conosco  
 
Press Releases     Artigos     Assessoria de Imprensa
 
Escritório Virtual: envie sua dúvida jurídica     Pesquisar:    
 
 
 
 
Clippings Jurídicos  
 
     
  Farmácias terão que informar sobre riscos da automedicação  
  (10/12/2010 10:16:00)  
     
  Estabelecimentos de Curitiba terão que colocar placas informativas depois que lei municipal entrou em vigor  
     
 
Entrou em vigor quarta-feira, em Curitiba, a lei municipal 13.574, que prevê a colocação de placas informativas sobre os riscos da automedicação em farmácias e drogarias da cidade. A mesma é de autoria do vereador Tito Zeglin (PDT) e prevê multa de R$ 300,00 em casos de desobediência.

As frases que devem estar presentes, em locais visíveis, nas farmácias são: ``Tomar remédio sem o conhecimento de seu médico e sem orientação do farmacêutico pode ser perigoso para sua saúde`` e ``Todo o medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças``.

Ontem, a equipe de O Estado percorreu farmácias da capital e verificou que alguns estabelecimentos já estão em conformidade com a legislação. Em outros, foi percebida a falta de um ou mesmo dos dois informativos. Nestes locais, os responsáveis reclamaram de falta de informação.

No bairro Pilarzinho, o farmacêutico José Camillo disse ser favorável ao fornecimento de informações sobre automedicação aos clientes. Porém, desconhecia o vigor da lei. ``Vi algumas informações na mídia a respeito do assunto, mas não sabia que a colocação dos informativos já é obrigatória. Vou me informar melhor sobre o assunto e regularizar a situação de meu estabelecimento. Concordo com este tipo de iniciativa, pois muita gente busca a automedicação``, afirmou.

A presidente do Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná, Marisol Dominguez Puro, também valoriza a lei e diz que a determinação não deve ter resistência por parte dos farmacêuticos. Segundo ela, o Conselho está começando a divulgar a medida em seu site e junto aos farmacêuticos do Paraná.

Fonte: Cintia Végas – Paraná Online
 

    Voltar

       
 
 
 
ANUARIO BRASILEIRO DE DIREITO DA SAUDE, GERENCIAMENTO DE RISCO LEGAL E ACREDITAÇÃO EM SAÚDE
Lançamento: Novem
Comprar  
   
 
 
SAUDEJUR
Lançamento realizado em 07/08/2012 na abertura do 19o Congresso Mundial de Direito Médico
Comprar  
 
 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
 
Clipping Jurídico    
 
 
 
Sep, 1, 2014 | TISS 3.02 passa a ser obrigatório  
 
 
Sep, 1, 2014 | ANS aplica mais de R$ 3,4 mi em multas a planos de saúde  
 
 
Sep, 1, 2014 | Em 5 anos, 17 maternidades fecham as portas em SP  
 
 
Sep, 1, 2014 | Espanha:Justiça prolonga detenção de pais que fugiram com filho doente  
 
 
Sep, 1, 2014 | SP: Governo assume hospital privado desativado  
 
 
Sep, 1, 2014 | Debate: Hospital da USP deve ser gerenciado pelo Estado?  
 
 
Sep, 1, 2014 | CFM: lista dos representantes por estado de 2014 a 2019  
 
 
Sep, 1, 2014 | Pílulas de Viagra falsificado são apreendidas na Europa  
 
 
  Parceiros  
 
    AC Accreditation Canada   AMIB
 
    BCI Boston Cambridge Institute   FBG Federação Brasileira de Gastro
 
    Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia   IQG
 
    SBOT   SBOT-SP
 
    SBRA   SBRH
 
    SOGESP  
 
 
Eugenio de Lima e Pitella     Política de Privacidade     Termos de Uso
© 2007-2007 Eugenio de Lima e Pitella Advogados. Todos direitos reservados.
 
Powered By Pronto Fatto - Agência Digital Inteligente - 2010